1. MENU
  2. CONTEUDO
  3. RODAPE

No xilindró!: Após festa, cantor Cristiano Araújo é encaminhado à delegacia

Por Eduardo Candido 02 Agosto 2012 Publicado em Música
Votao
(2 votos)
Lido 5569 vezes
Cristiano Araújo detido Cristiano Araújo detido Foto: Edilson Pelikano

O cantor sertanejo Cristiano Araújo (que regravou o hit "Fazendo Bará, Berê") foi parar na delegacia depois de abusar do som alto em uma festa no Jardins Madri, condomínio localizado na Região Sudoeste em Goiânia. A festa, que teria começado por volta de 22 horas da última quarta-feira (1º) se estendeu até a manhã desta quinta-feira (2). A denúncia teria partido de um juiz que é vizinho do cantor e a Polícia Militar foi acionada. Cristiano foi encaminhado para o 20º Distrito Policial, e foi autuado por pertubação da ordem pública (cuja pena é de prisão de 15 dias a 3 meses, ou multa).

O titular do distrito, Emerson Morais de Oliveira informou que as festas são constantes no local e ouviu algumas testemunhas como seguranças e pessoas que estavam na festa. O delito tem fiança. e o valor, que pode variar entre 1 e 100 salários mínimos, ainda não foi definido. Para ser liberado, Cristiano terá de pagar o valor que for estabelecido.

A festa contava com a participação de alguns amigos do meio artístico como o cantor Zé Ricardo, da dupla Zé Ricardo e Thiago, que canta o hit "Vai no banheiro pra gente se beijar". Todos estavam comemorando o aniversário de um dos empresários de Cristiano, Vitor Leonardo. Quando a Polícia Militar chegou ao local, atendeu ainda outra ocorrência. Rulhander Valencio Costa, de 20 anos, confessou que furtou dois relógios, um óculos e R$ 100 de outro convidado.

O suspeito foi revistado e os produtos do furto encontrados em posse do convidado. Ele também foi encaminhado ao 20º DP para esclarecimentos e registro da ocorrência. Algemado, Cristiano Araújo deixou a delegacia nesta manhã, acompanhado de um advogado em direção ao Instituto Médico Legal (IML). Contrariado, Cristiano disse que achou exagerada a atitude da polícia.

Fonte: A Redação/Catherine Moraes

Siga-nos no Twitter e no Facebook
Twitter - Facebook