1. MENU
  2. CONTEUDO
  3. RODAPE

Mãe e filha morrem em acidente na BR-060

Por Eduardo Candido 02 Dezembro 2011 Publicado em Região
Votao
(3 votos)
Lido 5025 vezes

Uma tragédia abalou a população de Chapadão do Sul na noite do dia 1º. Morreram em acidente de transito Leuzina Sanches Mota (Lia) e sua filha Bianca Letícia Obara, menor de 2 anos e meio, ocorrido por volta das 21h30. O acidente ocorreu na BR-060, próximo a entrada da fazenda IACO.

Lia retornava de Campo Grande com sua filha e esposo, o agrônomo e sócio do supermercado Casbe, Sergio Obara. A caminhonete Hilux da família colidiu na traseira de um caminhão, que deu problemas mecânicos e ficou na meia pista. O caminhão, cargo Ford, dirigido por Wilson Carlos da Silva, estava carregado com um trator e com todos os faróis apagados.

Sergio não conseguiu desviar do caminhão, já que no sentindo contrário vinha um Gol. A colisão foi violentíssima, destruindo por completo parte da Hilux, do lado do passageiro, onde estava sua esposa Lia e no banco traseiro. A filha foi arremessada para fora do veiculo. Mãe e filha faleceram no local.

Lia ficou totalmente desfigurada. Todo seu couro cabeludo ficou sobre a pista. A filha Bianca, também teve sua cabeça esmagada com a violência da batida. Sérgio Obara teve apenas um corte no braço.

Célio Marques, motorista do Gol, estava com sua esposa e duas filhas, uma de 4 anos e outra de 1 ano e meio, ambas estavam na cadeira presas no banco traseiro e nada sofreram. Segundo o motorista, a camionete após bater, rodou na pista e acabou colidindo em seu carro. Célio conta que após a colisão, Sergio Obara saiu pelo teto da caminhoneta e entrou em choque ao ver sua família destruída.

"Serginho" Obara, como é chamado pelos amigos, é uma pessoa muita querida em Chapadão do Sul, onde presta serviços no setor agrícola para diversas empresas rurais. Sua irmã é a Secretaria de educação do município. Ela foi a primeira a chegar no local do acidente. O Corpo de Bombeiros (CB) de Chapadão do Sul socorreu Sérgio Obara, o qual foi encaminhado ao Hospital Municipal.

Rádio Eldorado, com informações do jornal O Correio News